Definição de alvo de Estimulação Magnética por Neuronavegação

Muitos dos estudos que estabeleceram a eficácia de algum protocolo de estimulação magnética transcraniana para depressão usaram neuronavegação, o que garantiu que o foco da bobina estivesse precisamente posicionado no ápice do giro cortical do córtex pré-frontal dorsolateral de cada paciente e ainda possibilita o ajuste de angulação em função da trajeto do giro e o ajuste de intensidade em função da distância córtex-bobina.


Um exemplo foi o estudo de Blumberger, publicado na Lancet em 2018, que estabeleceu a equivalência entre uma sessão de rTMS de 3000 pulsos em 37 minutos e um sessão de Theta-burst intermitente com 600 pulsos em 3 minutos. Os 414 pacientes submetidos ao tratamento receberam TMS Neuronavegada, com alvo no Córtex Dorsolateral definido pelas coordenadas MNI152 (x–38, y+44, z+26). Em nome da maior acessibilidade, os autores citaram o trabalho de 2015 de Mir-Moghtadaei como suficiente para justificar o uso dos mesmos protocolos sem neuronavegação, e o trabalho embasou a autorização do FDA para o uso clínico de Theta-burst intermitente em Depressão, mas não se pode garantir que a equivalência também seria observada sem o uso de neuronavageção.


Outro exemplo que chamou muita atenção foi o estudo SAINT (depois rebatizado de SNT - Stanford Neuromodulation Therapy), que descreveu remissão ao redor de 80% ao usar um protocolo super-intensivo (com 10 sessões diárias por 1 semana) em que cada sessão era guiada por neuronavegação anatômica (com intensidade corrigida pela distância córtex-bobina) e funcional (baseada em conectividade com sgACC). Embora o estudo SNT tenha sido apenas um piloto, os resultados foram tão marcantes que, na prática, também em função da maior acessibilidade, muitos centros de TMS já vêm adotando a super-intensividade, mesmo sem neuronavegação, mas não se pode garantir resultados similares.


Com o sistema da Brainscience, realizar uma sessão de TMS com Neuronavegação é fácil. O vídeo abaixo mostra como é fácil definir o alvo usando as mesmas coordenadas MNI152 usadas por Blumberger.








17 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo